Ministério da Saúde confirma transmissão comunitária de Covid-19 no RS

Ministério da Saúde confirma transmissão comunitária de Covid-19 no RS

Rio Grande do Sul tem 33 casos do novo coronavírus

Por
Correio do Povo

Dados foram divulgados durante coletiva de imprensa do Ministério da Saúde nesta quinta-feira


publicidade

O Ministério da Saúde confirmou, nesta quinta, que Porto Alegre já tem transmissão comunitária do novo coronavírus, que significa que não é mais possível em algumas localidades rastrear a origem da infecção de uma ou mais pessoas. Além do Rio Grande do Sul, os estados do Rio de Janeiro, São Paulo, Minas Gerais, Pernambuco, Santa Catarina também se encaixam na mesma categoria de transmissão de Covid-19. 

A transmissão comunitária é o segundo estágio, conforme a pasta, da evolução epidemiológica do vírus. Na quarta-feira, o prefeito de Porto Alegre havia confirmado que a Capital possuía histórico de transmissão local. Segundo o ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, os números mostram que o crescimento não está ocorrendo de forma localizada, mas no conjunto do país. “Estamos vendo uma tendência mais nacional. Se levantar em bloco vai ser muito mais difícil de monitorar”, declarou.

A Secretaria Estadual da Saúde confirmou que o RS já tem 33 casos de Covid-19. Os três novos pacientes são de Alvorada, Porto Alegre e Erechim. 

De acordo com a atualização de dados do Ministério da Saúde, os 621 casos confirmados do novo coronavírus estão divididos em região Norte (8 casos), Nordeste (90 casos), Sudeste (391 casos), Centro-Oeste (61 casos) e Sul (71 casos). Em São Paulo, foram informadas cinco mortes, todas em um hospital da operadora de saúde Prevent Senior, na capital paulista. No Rio de Janeiro, dois óbitos por Covid-19 foram confirmados nesta quinta-feira.


A partir de hoje, o Ministério da Saúde deixará de trabalhar com casos suspeitos, passando a divulgar apenas as situações confirmadas e as mortes decorrentes da doença resultante da infecção pelo vírus.