Movimento acentuado marca retorno do litoral para Porto Alegre

Movimento acentuado marca retorno do litoral para Porto Alegre

Motoristas enfrentam trânsito carregado principalmente na BR 290 (Freeway), que registra pontos de lentidão em alguns trechos

Felipe Samuel

O inspetor Cássio Garcez, da PRF, explica que o fluxo de veículos aumentou à tarde

publicidade

O movimento de retorno das praias gaúchas e de Santa Catarina em direção à Capital foi intenso no final da tarde desta segunda-feira, no feriado de Dia dos Finados. Quem volta do litoral precisa de uma dose de paciência para encarar o trânsito carregado principalmente na BR 290 (Freeway), que registra pontos de lentidão em alguns trechos. 

Por conta do movimento acentuado, a CCR Via Sul - concessionária que administra a rodovia - liberou o trânsito no acostamento da região de Osório, do km 1 ao 75. Até o começo da noite, pelo menos 45,5 mil veículos haviam passado pelo pedágio de Santo Antônio da Patrulha em direção a Porto Alegre. As BRs 101 e 386 também registraram fluxo intenso de veículos. De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), nenhum acidente grave havia sido registrado até início da noite.

O inspetor Cássio Garcez, da PRF, explica que o fluxo de veículos aumentou à tarde. "Registramos movimento bem intenso, que começou a ficar mais pesado a partir das 15h e começou a aumentar no final da tarde", afirma. "Não registramos nenhum acidente, nenhuma lentidão maior. Apenas um ou outro ponto onde tem desvios das obras do viaduto (da nova ponte do Guaíba)", completa.

O Comando Rodoviário da Brigada Militar (CRBM) registrou grande movimento em algumas rodovias estaduais, como a ERS 030, na saída do Litoral Norte, que teve trânsito com pontos de lentidão. Na ERS 389, na Estrada do Mar, na ERS 407, em Morro Reuter, e na ERS 453, no acesso a Torres, o movimento também foi acentuado. O comandante do CRBM, coronel José Henrique Gomes Botelho, explica que houve movimento maior do que no feriado de Nossa Senhora Aparecida, no dia 12 de outubro. 

Embora não tenha finalizado os dados sobre os acidentes nas rodovias, Botelho informa que houve aumento de acidentes no Interior. "Se compararmos com ano passado, acidentes de trânsito com morte aumentaram, embora este feriado tenha quatro dias", afirma. 

Veja Também


publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895