Ocupação de UTIs por Covid-19 é a maior em duas semanas em Porto Alegre

Ocupação de UTIs por Covid-19 é a maior em duas semanas em Porto Alegre

Nesta quarta-feira, 230 pacientes positivos para a doença estavam internados, quatro a mais do que no dia anterior

Felipe Samuel

Nesta quarta-feira, 230 pacientes positivos para a doença estavam internados, quatro a mais do que no dia anterior

publicidade

Com 230 confirmados e 20 suspeitos para o novo coronavírus, as internações em leitos de Unidades de Terapia Intensiva (UTIs) em Porto Alegre apresentaram crescimento em relação ao dia anterior, que registrou 226 pacientes positivos para a Covid-19. Desde 28 de outubro, quando havia 234 casos confirmados para a doença, os hospitais não tinham tantos leitos ocupados em função da doença. 

As informações do Mãe de Deus seguiam desatualizadas até o começo da noite no portal da Secretaria Municipal da Saúde (SMS). Moinhos de Vento e Cristo Redentor tinham lotação máxima. Outros 11 hospitais operavam com lotação superior a 80%. A taxa geral de ocupação das UTIs, que envolve pacientes internados por outras doenças, chegou a 86,84%, com 653 leitos ocupados de um total de 788.


publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895