Porto Alegre e Rio Pardo registram mortes por Covid-19

Porto Alegre e Rio Pardo registram mortes por Covid-19

Vítimas tinham 73 e 93 anos, respectivamente

Correio do Povo

Último boletim do Governo do Estado aponta um total de vítimas de Covid-19 de 500

publicidade

Porto Alegre e Rio Pardo confirmaram, nesta sexta-feira, novas mortes em decorrência da Covid-19. Foi o 76º óbito na capital gaúcha desde o início da pandemia no Estado, e a primeira vítima fatal no município do interior. 

Segundo a Secretaria Municipal de Saúde de Porto Alegre, um homem de 73 anos faleceu nessa quinta-feira. Ele estava internado na UTI do Hospital Conceição desde do dia 16 de junho. O resultado positivo para Covid-19 saiu no dia seguinte. O paciente tinha histórico de hipertensão, diabete e doença cardiovascular. 

Já em Rio Pardo, a prefeitura comunicou nesta sexta-feira o primeiro óbito por coronavírus. Segundo a Secretaria Municipal de Saúde, trata-se de uma senhora, de 93 anos, que apresentava um quadro frágil de saúde com uma broncopneumonia, agravada pelo Covid-19. A vítima era natural de Pantano Grande, mas residia em uma clínica geriátrica no município. Ela faleceu na noite dessa quinta-feira no Hospital Regional do Vale do Rio Pardo. 

Segundo a secretária de Saúde, Sucila Leipnitz, o prognóstico de crescimento da doença já estava sendo esperado. “É uma notícia triste para todos nós, mas foi necessário aguardar a documentação oficial da médica que atestou a causa morte. Infelizmente passamos por uma situação muito séria no início da semana, onde ocorreu o boato de uma falsa morte ocorrida em Rio Pardo decorrente de Coronavírus. Não podemos ser irresponsáveis com estas informações e também respeitar a família neste momento”, informou a secretária. 

Rio Pardo tem seu primeiro óbito por Coronavírus A Prefeitura de Rio Pardo, através da Secretaria Municipal de Saúde,...

Publicado por Prefeitura de Rio Pardo em Sexta-feira, 26 de junho de 2020

Mais cedo, a capital gaúcha, Caxias do Sul e Imbé também reportaram novas vítimas da Covid-19. 

Problemas no acesso da SES 

As cinco mortes divulgadas nesta sexta-feira ainda não constam no boletim informativo da Secretaria Estadual de Saúde (SES). Em nota publicada no Twitter nessa quinta-feira, a SES informou que, excepcionalmente, não traria novos dados de pessoas internadas e novos óbitos causados pela Covid-19. 

Segundo o informe, a causa foi um problema no acesso e na exportação do banco de dados do Sistema de Informação da Vigilância Epidemiológica da Gripe (SIVEP-Gripe), do governo federal, onde os casos graves e óbitos são notificados. Desta forma, o boletim aponta um total de vítimas por Covid-19 de 500, o mesmo número do informe da SES de quarta-feira. 


publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895