Prefeitura avalia novo fechamento das comportas do cais Mauá

Prefeitura avalia novo fechamento das comportas do cais Mauá

Nível do Guaíba teve uma variação de 12 centímetros de ontem para hoje

Correio do Povo e Rádio Guaíba

Águas do Guaíba seguem em elevação

publicidade

O Departamento de Esgotos Pluviais (DEP) e as equipes do Porto Mauá farão nova vistoria na tarde desta sexta-feira para avaliar um novo fechamento das comportas no cais. Segundo o diretor-geral do DEP, Tarso Boelter, o nível do Guaíba já chega a 2,85 m e teve uma variação de 12 centímetros de ontem pra hoje. “Não estamos em um período de tranquilidade, estamos vivendo o pico do fenômeno 'El Niño'. Este período de cheias estava nos planos e vai continuar chovendo na próxima semana. A previsão é de um novembro é de muitas chuvas”, disse.

Segundo Boelter, o DEP está incorporando à rotina o monitoramento do Guaíba e a abertura e fechamento das comportas. “É provável que haja o fechamento das comportas, como forma de prevenção, para que a população tenha uma noite mais tranquila”, disse.

De acordo com o diretor, o projeto para a reforma das casas de bombas está em fase final. A previsão seria de um investimento de R$ 86 milhões para a transformação de sete casas de bombas em referência. Ao todo, são 19 casas de bombas em Porto Alegre. A ideia é rebaixar, ampliar a capacidade, colocar geradores e modernizar a parte elétrica. “O ideal seria modernizar todas, mas com a crise não há condições econômicas”, disse. O prazo de execução da obra é de 36 meses. “ A obra é completa, de macro drenagem e exige uma fiscalização rigorosa. Qualquer erro compromete a funcionalidade”, revelou.

Conforma relatou Boelter, um dos maiores problemas de Porto Alegre é com o descarte indevido de lixo. Sem o devido encaminhamento, o material entra nos canos e provoca entupimentos. "Isso faz com que muitas obras precisem ser refeitas", concluiu.


publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895