Prefeitura de Porto Alegre apresenta parceria com Waze
capa

Prefeitura de Porto Alegre apresenta parceria com Waze

Bloqueios e obras feitas no Município poderão ser exibidas no aplicativo

Por
Henrique Massaro

Parceria com o Waze foi apresentada nesta quarta-feira

publicidade

A Prefeitura de Porto Alegre anunciou nesta quarta-feira uma parceria com o aplicativo Waze. O programa Waze for Cities já havia sido utilizado de forma experimental pelo Executivo durante os jogos da Copa América e permite a coleta de dados sobre o tráfego na Capital, além de melhorar a acessibilidade dos usuários nas informações sobre o trânsito, como bloqueios e congestionamentos.

“Essa parceria vai permitir que Porto Alegre tome mais um passo na inclusão de uma época contemporânea”, afirmou o diretor da Empresa Pública de Transporte e Circulação (EPTC), Paulo Ramires. De acordo com ele, o projeto vai permitir que os cidadãos tenham informações antecipadas sobre intervenções no tráfego e facilitar o trabalho dos agentes de trânsito. 

Os usuários do Waze – disponível para smartphones – podem identificar eventos, bloqueios e obras informadas pela prefeitura no trajeto mostrado pelo mapa do aplicativo. A ferramenta permite que qualquer usuário adicione informações, mas as que forem feitas pelo Executivo poderão ser vistas pelo nome PMPA_EPTC, que aparece ao clicar em cada intervenção exibida na tela.

 

 

O Waze também permite, no entanto, que usuários avisem uns aos outros de blitze e outras operações policiais pelo caminho, o que pode ser controverso quando há uma parceria da plataforma com o poder público. Em função disso, o prefeito Nelson Marchezan Júnior disse que a prefeitura deve entrar em contato com o aplicativo e, se necessário, acionar a Justiça para que essa opção seja retirada da ferramenta. “Sei que isso é antipático, mas salva vidas”, afirmou.