Prefeitura entrega primeira obra de revitalização da Orla do Guaíba

Prefeitura entrega primeira obra de revitalização da Orla do Guaíba

Praça Julio Mesquita recebeu R$ 1,8 milhão de investimentos

Jézica Bruno

Primeira obra de revitalização da Orla do Guaiba foi entregue nesta quinta-feira pela Prefeitura de Porto Alegre

publicidade

A primeira obra de revitalização da Orla do Guaiba foi entregue nesta quinta-feira pela Prefeitura de Porto Alegre. A Praça Julio Mesquita, localizada em frente à Usina do Gasômetro, em Porto Alegre, recebeu R$ 1,8 milhão de investimento e faz parte do trecho 1 do projeto que pretende dar para a população um espaço moderno e interativo ao lado do Guaíba. Ao todo, essa etapa deve concentrar R$ 65 milhões, recurso proveniente de financiamento junto a Corporação Andina de Fomento (CAF).

A praça Julio Mesquita recebeu um deck de madeira que cobriu o antigo gramado verde, uma quadra de futebol com cercamento, academia ao ar livre e parquinho infantil. “Valorizou muito uma área que estava abandonada, era simplesmente um tapete verde, e passa agora a ser um dos principais pontos de encontro da cidade de Porto Alegre”, afirmou o prefeito José Fortunati.

A cerimônia de entrega contou com uma programação elaborada pela Secretaria Municipal de Cultura. Houve apresentação da Banda Municipal, performances cênicas, show, bancas de artesanato, roda de capoeira e outras atividades lúdicas para as crianças.

Na ocasião, Fortunati destacou que o trecho 1 do projeto de revitalização está 70% concluído. “A parte mais complexa que é toda a infraestrutura está completamente entregue. Estamos agora na fase de acabamento, ou seja, faltam 30% do acabamento dessa fase”, explicou A expectativa é de que a entrega do trecho 1 seja feita até o final do mês de abril do próximo ano. Mais de 100 pessoas trabalham no local.

De acordo com o prefeito, os recursos do CAF já estão garantidos para os trechos 1 e 3, graças a um empréstimo de US$ 92 milhões. Para o trecho 2, o projeto está pronto para ser licitado. “Há garantia de que tanto o trecho 1 quanto o trecho 3 podem ser viabilizados independente da crise", concluiu. 



publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895