Prefeitura requista leitos do Hospital Beneficência Portuguesa

Prefeitura requista leitos do Hospital Beneficência Portuguesa

Mais 55 leitos serão adicionados à rede de saúde da Capital após a medida

Correio do Povo

A ocupação geral de leitos de tratamento intensivo superava os 95% nesta terça-feira

publicidade

O Hospital Beneficência Portuguesa reforçará o sistema de saúde de Porto Alegre. O prefeito Sebastião Melo assinou nesta terça a requisição administrativa, pela qual o Executivo fez a solicitação. Com a medida, a partir de quinta o hospital disponibilizará 15 leitos de UTI e 40 leitos clínicos. 

“É um acréscimo fundamental para a rede de saúde de Porto Alegre neste momento tão crítico. Estamos avaliando ainda outras instituições hospitalares que podem reforçar ainda mais nossa capacidade de atendimento”, afirmou o secretário de Saúde Mauro Sparta.

Na semana passada, a prefeitura já havia ampliado o número de leitos com a contratualização do Hospital Porto Alegre, com 10 leitos de UTI e 70 clínicos. Nos próximos dias, técnicos concluem relatório sobre o Hospital Parque Belém, para que o município avalie a reabertura da instituição.

No início da noite desta terça-feira, 386 pacientes com Covid-19 estavam internados na UTI, um recorde em quase um ano de pandemia. A ocupação geral de leitos de tratamento intensivo superava os 95%.

Veja Também


publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895