Primeiro bebê de 2021 em Porto Alegre nasce no Hospital de Clínicas

Primeiro bebê de 2021 em Porto Alegre nasce no Hospital de Clínicas

Kauana Myrella vai alegrar a vida da mãe Fabrina, do pai Jean e do irmãozinho Maxwuell

Correio do Povo

Mãe e filha cercadas pelas enfermeiras Patrícia Cohen e Valéria Lindner e técnica em enfermagem Cassiana Miranda

publicidade

O primeiro bebê de 2021 em Porto Alegre nasceu no Hospital de Clínicas. Trata-se da pequena Kauana Myrella, com 3,260 quilos e 47 centímetros, que veio ao mundo de parto natural quando o relógio marcava 00h30min desta sexta-feira, dia 1º de janeiro. “Eu desejo que 2021 seja melhor do 2020 com esta Covid-19 e tudo”, declarou emocionada a mamãe Fabrina de Oliveira Cardoso, 31 anos, à reportagem do Correio do Povo nesta manhã.

Moradora do bairro Lami em uma residência de frente para a praia, Fabrina contou que foi internada por volta das 19h de quinta-feira, véspera de Ano Novo. Antes, ela já tinha permanecido entre a manhã e tarde no Centro Obstétrico do Hospital de Clínicas devido aos sinais de que o nascimento da criança estava perto, mas depois voltou para a casa. “Já sabia que ia nascer a qualquer momento, pois estava com muita contração”, explicou a mãe, observando que não sabia se o parto aconteceria antes ou depois da virada de Ano Novo.

No momento do nascimento de Kauana no Centro Obstétrico, a mãe soube então que já estava no Ano Novo, pois escutou as comemorações pela chegada de 2021. “Para mim foi um grande presente”, destacou, desejando o melhor para a filha. “Ela é calminha e chora apenas para mamar”, constatou.

Fabrina recupera-se em um quarto da Unidade de Internação Obstétrica, ao lado do marido, Jean Carlos Machado, 28 anos. Ela lembrou que Kauana fará companhia agora para o irmãozinho Maxwuell, de seis anos de idade. A mãe acredita que deve ter alta na próxima segunda-feira e somente então poderá festejar 2021 em casa. “Vou comemorar em família”, resumiu. “Desejo que seja um futuro melhor para eles”, afirmou, referindo-se aos dois filhos.

Sobre o atendimento da equipe da Unidade de Internação Obstétrica do Hospital de Clínicas, Fabrina agradece toda a atenção, atendimento e acolhimento da equipe, sobretudo em relação aos cuidados de prevenção em relação à Covid-19 que são “bem rígidos”. Ela destacou principalmente a dedicação das enfermeiras Valéria Lindner e Patrícia Cohen e ainda da técnica em enfermagem Cassiana Miranda. “Elas são perfeitas….são uns amores”, enfatizou.  


publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895