Qualidade das águas do Guaíba é ruim, diz estudo da Fundação SOS Mata Atlântica

Qualidade das águas do Guaíba é ruim, diz estudo da Fundação SOS Mata Atlântica

Guaíba está na mesma situação de 21,6% dos 111 rios, córregos e lagos de cinco Estados e DF

Cíntia Marchi

Qualidade das águas do Guaíba é ruim, diz estudo da Fundação SOS Mata Atlântica

publicidade

A qualidade das águas do Guaíba é ruim, apontou o mais amplo levantamento coordenado pela Fundação SOS Mata Atlântica divulgado nesta quarta-feira. O Guaíba está na mesma situação de 21,6% dos 111 rios, córregos e lagos de cinco Estados brasileiros e o Distrito Federal analisados. No Rio Grande do Sul, ainda foram coletadas amostras da Lagoa do Peixe, em Mostardas, que apresentou a qualidade boa da água, e do Rio Tramandaí, em Imbé, em condições regulares.

O diretor técnico da Fepam, Rafael Volquind, diz que um conjunto de fatores contribui para que as águas do Guaíba sejam classificadas como ruins. “O Guaíba recebe águas de quatro grandes rios, situados em regiões bastante populosas e que também concentram a maior quantidade de indústrias”, explica. O fato de 85% do esgoto não ser tratado no Rio Grande do Sul também sentencia a qualidade aquém do desejado. Aspectos como agricultura, desmatamento e erosão se somam às justificativas.

Já a Lagoa do Peixe tem o privilégio de ser uma unidade de conservação, protegida por lei, o que resulta a boa qualidade das águas, de acordo com Volquind. Sobre o Rio Tramandaí ter águas em condições regulares, o diretor técnico da Fepam destacou que ele está localizado em um ponto que recebe grande público no verão e também é afetado pelo esgoto não tratado. "A qualidade da água oscila naquela região", observa Volquind.

A maioria das águas analisadas pelo levantamento do SOS Mata Atlântica em 45 municípios brasileiros tiveram resultados considerados regulares (61,8%). Em situação péssima apareceu 1,7% dos pontos coletados, todos no estado de São Paulo. As águas classificadas como boas são 15% e estão localizadas em áreas protegidas e que contam com matas ciliares preservadas. Nenhum dos pontos analisados foi avaliado como ótimo.

publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895