RS registra mais 5,2 mil infectados e 61 mortes por Covid-19 apenas nesta sexta-feira

RS registra mais 5,2 mil infectados e 61 mortes por Covid-19 apenas nesta sexta-feira

Estado passa a contabilizar mais de 7,1 mil óbitos e 342 mil casos confirmados

Correio do Povo

Estado passa a contabilizar mais de 7,1 mil óbitos e 342 mil casos confirmados

publicidade

O Rio Grande do Sul segue registrando um grande volume diário de novas mortes e casos confirmados de coronavírus nesta sexta-feira. Só no dia de hoje, a Secretaria Estadual de Saúde divulgou mais 61 mortes por Covid-19 e 5.207 infectados distribuídos pelo Estado. Os óbitos divulgados nesta sexta ocorreram entre 6 de novembro e 3 de dezembro, à exceção de um ocorrido em agosto que só agora teve a ficha completada.

Veja Também

O número de registros por dia foi contabilizado pela primeira vez entre os meses de junho e julho, período que foi considerado o pico da pandemia em território gaúcho. Até o momento, o RS passa a contabilizar 7.104 óbitos e 342.035 casos confirmados, sendo 91% recuperados e 6% em acompanhamento médico. 

A ocupação de leitos de UTI em geral no Estado é de 80,2% nesta sexta-feira, considerando os leitos públicos e privados. Na tarde de hoje são 2.160 internados com diagnóstico positivo para coronavírus e 901 pacientes com a suspeita do vírus. Contudo, este índice pode ser ainda maior visto que 20 hospitais estão com os dados em atraso no painel de monitoramento da SES.

Óbitos registrados pela SES

Alvorada (mulher, 85 anos)
Alvorada (mulher, 60 anos)
Bagé (mulher, 69 anos)
Bento Gonçalves (mulher, 15 anos)
Caçapava do Sul (homem, 90 anos)
Cachoeirinha (mulher, 50 anos)
Camaquã (mulher, 67 anos)
Candelária (mulher, 77 anos)
Canela (mulher, 94 anos)
Canguçu (homem, 81 anos)
Canoas (mulher, 81 anos)
Canoas (mulher, 60 anos)
Canoas (mulher, 84 anos)
Caraá (homem, 91 anos)
Carlos Barbosa (homem, 91 anos)
Caxias do Sul (homem, 77 anos)
Cidreira (homem, 83 anos)
Esteio (mulher, 38 anos)
Giruá (homem, 79 anos)
Giruá (homem, 82 anos)
Gravataí (homem, 78 anos)
Gravataí (mulher, 70 anos)
Guaíba (mulher, 62 anos)
Júlio de Castilhos (mulher, 63 anos)
Machadinho (homem, 93 anos)
Novo Hamburgo (homem, 75 anos)
Porto Alegre (homem, 69 anos)
Porto Alegre (mulher, 80 anos)
Porto Alegre (mulher, 70 anos)
Porto Alegre (homem, 32 anos)
Porto Alegre (mulher, 85 anos)
Porto Alegre (homem, 86 anos)
Porto Alegre (mulher, 63 anos)
Porto Alegre (mulher, 60 anos)
Porto Alegre (mulher, 77 anos)
Porto Alegre (mulher, 79 anos)
Porto Alegre (mulher, 81 anos)
Porto Alegre (mulher, 80 anos)
Porto Alegre (homem, 68 anos)
Porto Alegre (homem, 82 anos)
Porto Alegre (mulher, 83 anos)
Porto Alegre (homem, 89 anos)
Porto Alegre (mulher, 63 anos)
Rio Grande (homem, 85 anos)
Rio Grande (homem, 55 anos)
Rio Pardo (mulher, 78 anos)
Rosário do Sul (mulher, 75 anos)
Rosário do Sul (homem, 88 anos)
Santo Ângelo (homem, 74 anos)
Santo Ângelo (mulher, 86 anos)
São Leopoldo (homem, 27 anos)
São Lourenço do Sul (homem, 68 anos)
São Lourenço do Sul (mulher, 94 anos)
Sapiranga (mulher, 91 anos)
Sapucaia do Sul (homem, 90 anos)
Sapucaia do Sul (homem, 38 anos)
Tapejara (mulher, 92 anos)
Torres (homem, 74 anos)
Uruguaiana (mulher, 74 anos)
Viamão (homem, 65 anos)
Viamão (homem, 86 anos)


publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895