RS registra momento menos crítico da pandemia desde agosto

RS registra momento menos crítico da pandemia desde agosto

Em cerca de 40 dias, número de internações por Covid-19 reduziu 29%

Correio do Povo

SES alega que tanto os dados da propagação da Covid-19 como os de capacidade de atendimento hospitalar vêm apresentando melhora progressiva nas últimas semanas

publicidade

O Governo do Estado apresentou números que justificaram a classificação de todas as 21 regiões do Rio Grande do Sul no modelo de Distanciamento Controlado como bandeira laranja – de risco médio de contaminação ao coronavírus. Na comparação com o período mais difícil até aqui da pandemia, há cerca de 40 dias, o número de novas hospitalizações por Covid-19 reduziu em 29% e os óbitos semanais causados pela doença caíram 23%, de acordo com o Comitê de Dados. Esses fatores, somados aos leitos disponíveis, que aumentaram 21%, contribuíram para a melhora no cenário.

Segundo a coordenadora do Comitê de Dados, Leany Lemos, a queda está sendo observada nos principais indicadores para se analisar a situação do Rio Grande do Sul no combate à Covid-19. “Isso é muito objetivo. É a realidade que os números nos mostram. E é muito positivo, porque mostra que a população aderiu aos protocolos e às recomendações sanitárias, o que vai preservar ainda mais vidas do que já preservamos”, avaliou.

O resultado desta melhora no panorama da pandemia foi visto na classificação das regiões no mapa definitivo que analisa o avanço da Covid-19 no RS. Nesta segunda-feira, pela primeira vez desde o dia 18 de maio, nenhuma região foi classificada com risco alto para o coronavírus.

O Comitê de Dados do Gabinete de Crise, responsável pelos cálculos do modelo, ainda identificou uma queda no número de internados em leitos de UTI Covid no dia anterior à divulgação do mapa - uma redução de 9% - e um aumento de 4% no número total de leitos do Estado da 15° semana em relação à 21ª.

Até este momento, o Rio Grande do Sul contabiliza 4.648 mortes e 185.778 infectados pela doença. Destes, 93% dos pacientes estão recuperados e 5% em acompanhamento. Nesta segunda-feira, a taxa de ocupação de leitos de UTIs, considerando os públicos e privados, é de 74,9% no Estado.

Dados comparativos:

• Número de novos registros semanais de hospitalizações confirmadas com Covid:
15ª semana: 1.126
21ª semana: 793
Redução de: 29%

• Número de internados em leitos de UTI Covid no dia anterior à divulgação do mapa:
15ª semana: 723
21ª semana: 658
Redução de: 9%

• Número de óbitos por Covid na semana:
15ª semana: 353
21ª semana: 273
Redução de: 23%

• Leitos livres de UTI para atender casos de Covid:
15ª semana: 567
21ª semana: 684
Aumento de: 21%

• Total de leitos de UTI no RS:
15ª semana: 2.481
21ª semana: 2.588
Aumento de: 4%


publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895