SOS Famílias do Sertão, um projeto que já atendeu 2 mil famílias

SOS Famílias do Sertão, um projeto que já atendeu 2 mil famílias

Criado há 20 anos, projeto também já beneficiou mais de 600 crianças e adolescentes com ações voltadas à educação, saúde e bem-estar

Correio do Povo

publicidade

Aos 58 anos, Raimunda Rodrigues trabalha e mora em um lixão no interior da Bahia há meia década. Chegou com toda a família, que hoje soma cinco filhos, 20 netos e quatro bisnetos. “A vida aqui, meu irmão, é muito difícil. Só não fica mais difícil porque os irmãos ajudam”, conta. Ela se refere à campanha SOS Famílias do Sertão, um projeto da Fazenda Nova Canaã, que já atendeu mais de 2 mil famílias carentes do Sertão nordestino desde maio de 2020, em meio à pandemia. A iniciativa tem apoio do jornal Correio do Povo e da Rádio Guaíba.

A ação é desenvolvida pela Associação Beneficente Projeto Nordeste (ABPN), uma organização da sociedade civil, sem fins lucrativos, criada há 20 anos, que busca promover o desenvolvimento humano para famílias em vulnerabilidade ou risco social. A escola do projeto, por exemplo, beneficia mais de 600 crianças e adolescentes, com quatro refeições diárias, ensino em tempo integral, transporte escolar, material didático e acompanhamento médico e odontológico. Para promover mudanças efetivas na realidade das famílias atendidas, cinco eixos principais são trabalhados: assistência social, educação, esporte de alto rendimento, cultura, e saúde.

Todos os dias, Raimunda acorda cedo, sai da moradia simples onde reside e vai para a labuta. O cheiro forte caracteriza o lugar, com resíduos de todos os tipos, como pregos, seringas e vidros, pisados diariamente pelos pés calejados da catadora, que não lembra como é respirar um ar puro. “Tudo que é coisa de hospital vem para cá, por isso sempre uso luvas”, afirma. Ela busca garrafas pet, latinhas e papelão. São cerca de 12 horas de trabalho diário e, mesmo assim, não tem nada na mesa em algumas situações e tudo precisa ser regrado. “Tem vezes que chego a adoecer, é difícil, eu enfrento porque não tem outro jeito”, diz Raimunda, que não teve a oportunidade de escolher outro caminho e fica triste ao ver seus pequenos sem perspectiva de vida, vivendo em um lugar esquecido em meio a tanta miséria.

Para amenizar vidas como a da catadora Raimunda, equipes do projeto SOS Famílias do Sertão visitam regiões desabastecidas para levar água potável, alimentos e esperança a quem precisa, em locais praticamente esquecidos. Diariamente, centenas de voluntários, espalhados pelo Sertão do Brasil, contribuem com o ideal proposto pela ABPN. Outra forma de auxiliar é a partir de doações, que chegam até as famílias com as visitas, dando a elas a oportunidade de fazê-las sonhar com uma vida melhor, algo quase impossível pelas condições que enfrentam todos os dias.

Projeto Canaã

A seca nos anos 1990 deixou um rastro de pobreza e desespero para centenas de famílias. Algumas histórias chamaram a atenção de um grupo de pessoas que integram a ABPN, que buscou alternativas para reverter fundos para adquirir o local onde foi construída a sede da entidade, na época conhecida como Fazenda Nova Canaã. Os planos iniciais eram de construir uma comunidade agrícola autossustentável e, assim, começaram as irrigações e demais atividades. Mas a escassez de água trouxe um novo norte para as ações do grupo: para alcançar uma verdadeira transformação social seria necessário investir nas famílias, em especial na educação das crianças. Sendo assim, foi implantado o Programa de Educação Integral.

A metodologia do ensino adotada pelo projeto educacional tem como base teórica o sócio-interacionismo, que valoriza o social na construção da aprendizagem. Partindo dessa abordagem teórica, as atividades são construídas para propiciar para os alunos o seu desenvolvimento pleno, possibilitando uma aprendizagem sólida, mediada por profissionais gabaritados, que auxiliam o desenvolvimento do potencial individual. Para alcançar um maior êxito, a equipe pedagógica desenvolve uma série de projetos especiais, que possam auxiliar no desenvolvimento dos pontos mais críticos ou mais importantes para os alunos, incluindo leitura em família, feira de conhecimento, gincanas e competições, além da festa literária. Ao longo do tempo, o Projeto Nova Canaã foi ampliando sua atuação, a fim de se tornar mais efetivo, fortalecendo o trabalho com as famílias atendidas, através de acompanhamento social.

Saiba como doar:

Pix |Chave E-Mail - doar@sosfamiliasdosertao.org

Transferência bancária: ASSOCIAÇÃO BENEFICENTE PROJETO NORDESTE

237- BANCO BRADESCO | Agência: 3036 | Conta: 0001105-3

654 - BANCO DIGIMAIS S/A | Agência: 0001 | Conta: 2179059

Link de doação: https://sosfamiliasdosertao.colabore.org/

Ou se preferir ligue 0800 025 5060


Mais Lidas


Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895