Surto de Covid-19 eleva para 110 número de infectados no Hospital Conceição

Surto de Covid-19 eleva para 110 número de infectados no Hospital Conceição

Dez pacientes morreram por conta de complicações da doença

Felipe Samuel

Hospital Conceição anunciou que vai realizar a testagem de 1,1 mil profissionais de saúde

publicidade

Com mais três diagnósticos positivos para o novo coronavírus, o Grupo Hospitalar Conceição (GHC) informou hoje que aumentou para 110 o número de infectados pela Covid-19 em surto registrado no Hospital Nossa Senhora da Conceição. Do total, 75 são pacientes e 35 funcionários. Desde o início do surto, no dia 4 de agosto, dez pacientes morreram por conta de complicações da doença. De acordo com a assessoria do GHC, 45 pessoas estão hospitalizadas em enfermarias e 6 em Unidade de Terapia Intensiva (UTI).

Outras 14 tiveram alta hospitalar. Apenas 47 dos 75 pacientes com a Covid-19 completaram o esquema vacinal, o que representa 62,7% do total. Entre os profissionais de saúde, 35 receberam diagnóstico positivo da doença: 17 técnicos em enfermagem, 11 técnicos em higienização, 3 da área de nutrição, 3 estagiários e 1 médico. Uma pessoa permanece hospitalizada e outras 26 estão em isolamento domiciliar. Entre os funcionários, 29 já estavam vacinados com duas doses da vacina, o equivalente a 82,9% .

A partir dessa semana, o Hospital Conceição anunciou que vai realizar a testagem de 1,1 mil profissionais de saúde, além dos 350 que já fizeram teste. Por conta do surto de Covid, estão suspensas as visitas por tempo indeterminado. A emergência da casa de saúde segue atendendo somente casos graves, enviados pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). As cirurgias eletivas também estão suspensas, exceto as cirurgias oncológicas.

Veja Também

Surto se encaminha para "cenário de contenção", afirma Hospital de Clínicas

O Hospital de Clínicas de Porto Alegre (HCPA) informa que continua monitorando o surto, 'embora se encaminhe para um cenário de contenção'. Conforme o HCPA, nenhum novo caso foi identificado desde 10 de agosto, mas duas coletas de trabalhadores da área administrativa, onde teve início o surto, foram realizadas ontem. O número de casos confirmados permanece em 8. No restante do hospital, o número de casos da semana passada permaneceu semelhante ao das semanas anteriores, sendo de 14 atualmente.

De acordo com o HCPA, todos os trabalhadores com infecção confirmada continuam com quadros leves e seguem em acompanhamento pela equipe médica do Serviço de Medicina Ocupacional do HCPA. O hospital reforça que ainda estão em vigor as medidas de contenção, como recomendação de afastamento de suspeitos; instituição do trabalho remoto para os funcionários com atividades que não necessitam ser desenvolvidas presencialmente; intensificação do uso de equipamentos de proteção individual; e reforço das orientações básicas pelas áreas técnicas.

Primeiro hospital da Capital a conter o surto do novo coronavírus, o Vila Nova não registrou aumento de casos. São 47 pessoas infectadas pela doença: 29 pacientes e 18 funcionários. A Unidade 1, foco do surto de Covid-19 no começo do mês, está aberta para internação.


publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895