Tempestade no Paraná derruba linhas de transmissão e força manobras de emergência em Itaipu

Tempestade no Paraná derruba linhas de transmissão e força manobras de emergência em Itaipu

Conforme a MetSul Meteorologia, ventos chegaram à 100 Km/h

Correio do Povo

publicidade

As fortes chuvas que atingiram o Paraná na noite de sábado fizeram com que a Usina Hidrelétrica de Itaipu realizasse manobras de emergência para evitar um apagão no Brasil e Paraguai. Segundo a MetSul Meteorologia, os ventos acima de 100 Km/h derrubaram linhas de transmissão, o que obrigou a usina a realizar tal movimento. O anúncio foi feito pela empresa nas redes sociais.

Veja Também

O acionamento das proteções da usina acarretou na redução de energia. Para compensar a queda, as comportas do vertedouro foram abertas. Segundo o comunicado da empresa, a operação foi necessária para atender o Acordo Tripartite entre Paraguai, Argentina e Brasil, que estabelece limites para a variação de níveis no ponto de medição da água abaixo da Tríplice Fronteira.  A empresa informou também que não houve danos à instalação.

De acordo com a MetSul, o Aeroporto de Foz do Iguaçu registrou ventos de 80 km/h, mas as rajadas no oeste do Paraná passaram de 100 km/h. A queda das torres de linhas de transmissão sugere que o vento em alguns pontos podem ter atingido marcas tão altas quanto 120 km/h a 150 km/h.

 


publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895