Temporal no Rio deixa ao menos 10 mortos

Temporal no Rio deixa ao menos 10 mortos

Corpo de Bombeiros encontrou mais dois corpos; no morro da Babilônia e na comunidade de Antares

R7

Estrago causado pelas fortes chuvas vai além de patrimônios

publicidade

Após horas de buscas, os bombeiros localizaram o corpo de Gilson Cesar Cerqueira, de 42 anos, na noite desta terça-feira, no morro da Babilônia, no Leme, zona sul do Rio de Janeiro. Ele é a nona vítima fatal em decorrência das chuvas que atingiram o município desde a noite de segunda-feira. A décima vítima foi localizada na comunidade de Antares, em Santa Cruz, na zona oeste do Rio de Janeiro.

Gilson morava com as irmãs Doralice e Gerlaine do Nascimento, que também morreram na tragédia. A vizinha Fernanda Brasil, que mora há 12 anos no morro da Babilônia, disse que uma delas chegou a ser resgatada com vida.

“São duas irmãs, moradoras antigas, crias do morro, mas as duas, infelizmente, vieram a óbito. Uma ainda conseguiu ser resgatada com vida, mas, pelo jeito que as encontraram – a dona Dora estava de cabeça para baixo, eles a tiraram e ela vomitou muito barro, não teve condições”, lembrou Fernanda.

Outras três pessoas foram encontradas soterradas dentro de um táxi na Ladeira do Leme, em Botafogo, na zona sul. Entre elas estão avó e neta, que estavam desaparecidas após saírem de um shopping no mesmo bairro. O motorista do veículo também não resistiu aos ferimentos.


publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895