Trabalhadores do Imesf decidem parar atividades por três dias a partir de quarta-feira

Trabalhadores do Imesf decidem parar atividades por três dias a partir de quarta-feira

Paralisação é contra as demissões dos funcionários vinculados à entidade

Rádio Guaíba

Sindicatos e Prefeitura de Porto Alegre divergem em processo envolvendo extinção do Imesf

publicidade

Em assembleia geral promovida pelo Sindisaúde-RS, que representa enfermeiros e técnicos de enfermagem, na noite dessa quinta-feira, os trabalhadores do Instituto Municipal de Estratégia de Saúde da Família (Imesf) definiram por deflagrar greve por três  dias a partir de quarta-feira, dia 14 de outubro, contra as demissões dos funcionários vinculados à entidade. Foram 291 votos no total, sendo 220 favoráveis à greve, 60 contrários e 11 abstenções.

Os trabalhadores também decidiram realizar um ato em frente ao Tribunal Regional do Trabalho (TRT) na terça-feira (13), a partir das 17h. Na quarta-feira, farão uma caminhada do Posto de Saúde Modelo até o prédio da Prefeitura. Na quinta, ocorre concentração na Prefeitura, com caminhada até a Câmara de Vereadores.

Na próxima sexta-feira, a concentração começa no Tribunal Regional do Trabalho, como forma de apoio às medidas judiciais que asseguram os vínculos dos trabalhadores.

Veja Também


publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895