Trensurb volta a operar depois de uma hora totalmente paralisada

Trensurb volta a operar depois de uma hora totalmente paralisada

Conforme a empresa, os intervalos entre as viagens serão normalizados aos poucos

Rádio Guaíba

Paralisação das linhas causou aglomerações nos terminais

publicidade

Depois de ficar totalmente paralisada por uma hora e vinte minutos, a Trensurb voltou a operar no fim de tarde desta sexta-feira. Uma tela caiu sobre a rede de energia do metrô no começo tarde, em razão de um acidente na ponte do Guaíba.

Apesar de a operação estar restabelecida em todo o sistema, ainda há elevado número de pessoas nas estações. Conforme a Trensurb, os intervalos entre as viagens serão normalizados aos poucos.

Um acidente envolvendo um caminhão carregado de madeira causou bloqueio parcial na ponte do Guaíba, no sentido litoral. Ao fazer a curva, a carreta tombou em uma das alças de acesso à ponte antiga do Guaíba e parte da carga caiu ao lado dos trilhos. O motorista não se feriu, mas a passageira, esposa do condutor, caiu de uma altura de cerca de sete metros e ficou gravemente ferida.

O caminhão, emplacado em Gravataí, atingiu o guard rail e deixou suspensa parte da tela e dos gradis no viaduto Leonel Brizola. Os fios do trem também foram atingidos, comprometendo a circulação.


publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895