Autor de ataque na universidade de Heidelberg era um alemão de 18 anos

Autor de ataque na universidade de Heidelberg era um alemão de 18 anos

O jovem, um estudante de ciências desta universidade, suicidou-se depois do ataque

AFP

publicidade

O autor do ataque realizado nesta segunda-feira na universidade de Heidelberg, sudoeste da Alemanha, era um alemão de 18 anos que se suicidou pouco depois, informou o chefe da polícia local.

"As armas (que o atacante levava consigo) foram compradas no exterior", acrescentou Siegfried Kollmar, enquanto a motivação do crime ainda precisa ser esclarecida, segundo a promotoria.

Os investigadores disseram, contudo, durante uma coletiva de imprensa que "os primeiros indícios" mostram que ele sofria de "uma doença psíquica há tempos".

O jovem, um estudante de ciências desta universidade, suicidou-se depois do ataque, realizado no meio da manhã.

O indivíduo "abriu fogo em volta dele", segundo um porta-voz da polícia local, durante uma aula que estava sendo dada nesta universidade, a mais antiga de Mannheim.

Os investigadores encontraram em sua mochila "mais de uma centena de munições", embora o autor dos disparos não tivesse posse de armas, explicou Kollmar, destacando que o jovem agiu sozinho e não tinha ficha policial.

Segundo os investigadores, o agressor, que matou uma jovem e feriu outras três pessoas, tinha enviado uma mensagem pelo Whatsapp pouco antes de passar à ação na qual dizia que "as pessoas têm que ser castigadas agora" e que desejava ser sepultado no mar, explicou Kollmar.


Mais Lidas

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895