Bombardeios deixam mais quatro palestinos mortos em Gaza
capa

Bombardeios deixam mais quatro palestinos mortos em Gaza

Em dois dias 16 pessoas morreram em confrontos com Jihad Islâmica

Por
AFP

Morte de líder jihadista motivou lançamento de quase 200 foguetes contra Israel

publicidade

Quatro palestinos morreram nesta quarta-feira em novos bombardeios israelenses contra a Faixa de Gaza, o que eleva a seis o número de vítimas fatais desde o início do dia, informou o ministério da Saúde do território. Dezesseis pessoas morreram desde terça-feira, quando Israel iniciou uma série de bombardeios contra o grupo palestino Jihad Islâmica em Gaza, de acordo com o boletim mais recente do ministério.

O grupo palestino respondeu com disparos de foguetes a partir da Faixa de Gaza contra o território de Israel. Um dos palestinos mortos nesta quarta-feira, Khaled Fawwaj, era um combatente da Jihad Islâmica, anunciou o grupo. As sirenes de alarme foram acionadas durante a manhã nas cidades israelenses de Netivot e Ashkelon, informou o exército.

A aviação israelense bombardeou uma unidade da Jihad Islâmica responsável por disparos de foguetes, anunciaram fontes militares em Jerusalém. Na terça-feira, o exército de Israel matou um líder militar da Jihad Islâmica, Baha Abu al Ata, e sua esposa, o que provocou o lançamento de quase 200 foguetes contra o território do Estado hebreu.