Diplomata teria sido impedido de testemunhar contra Trump
capa

Diplomata teria sido impedido de testemunhar contra Trump

Gordon Sondland não teve permissão para participar de julgamento

Por
AFP

Defesa do embaixador alega impedimento de testemunhar no Congresso

publicidade

O governo de Donald Trump impediu seu embaixador da União Europeia de testemunhar na investigação de julgamento político contra o presidente conduzida pelos democratas no Congresso - afirmou o advogado do diplomata nesta terça-feira.

"No início desta manhã, o Departamento de Estado americano ordenou que o embaixador Gordon Sondland não comparecesse para seu depoimento agendado no Comitê Conjunto da Câmara dos Deputados", disse o advogado Robert Luskin. O advogado destacou que seu cliente "está pronto para testemunhar, desde que seja permitido".