Equador recomenda suspender atividades na costa de erupção em Tonga

Equador recomenda suspender atividades na costa de erupção em Tonga

Estados Unidos e o Chile também emitiram alertas de tsunami

AFP

publicidade

O Serviço Nacional de Gestão de Riscos (SNGR) do Equador recomendou neste sábado (15) a suspensão das atividades no litoral do país sul-americano após o tsunami causado pela erupção de um vulcão nas ilhas Tonga, no Oceano Pacífico.

"Devido a um possível impacto da maré local e das fortes correntes, recomenda-se a suspensão das atividades marítimas e recreativas no litoral" do Equador e das Ilhas Galápagos, disse o SNGR em comunicado.

O secretário de Gestão de Riscos acrescentou que a suspensão das atividades na costa equatoriana será até as 17h locais (19h BRAS) no continente e até as 15h (18h BRAS) na região insular.

A erupção do vulcão Hunga Tonga Hunga Ha'apai durou pelo menos oito minutos e enviou colunas de gás, cinzas e fumaça a vários quilômetros de altura. Os moradores de Tonga fugiram para terrenos mais altos depois que a erupção provocou um tsunami com uma onda de menos de 1,5 metro observada na capital do reino de Tonga, Nuku'alofa.

Os Estados Unidos e o Chile também emitiram alertas de tsunami no sábado após a erupção.

Veja Também



Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895