Escudo antimísseis de Israel pode interceptar foguetes e drones ao mesmo tempo

Escudo antimísseis de Israel pode interceptar foguetes e drones ao mesmo tempo

"Iron Dome" é parte dos instrumentos que permitem ao país manter um domínio militar sobre seus vizinhos

AFP

Iron Dome está implantado nas fronteiras com Gaza, Líbano e Síria

publicidade

Israel revelou uma nova versão de seu escudo antimísseis Iron Dome, implantado nas fronteiras com Gaza, Líbano e Síria, que agora pode interceptar "simultaneamente" foguetes, mísseis e drones.

Em serviço por quase uma década, o "Iron Dome" é parte dos instrumentos que permitem a Israel manter um domínio militar sobre seus vizinhos. Embora esta bateria antimísseis não consiga bloquear balões incendiários e outros projéteis lançados em altitudes muito baixas, agora pode conter mísseis e drones.

"O Iron Dome foi testado em uma variedade de cenários complexos (...) e interceptou drones, foguetes e salvas de mísseis simultaneamente", disse o ministro da Defesa israelense, Benny Gantz, em um comunicado.

No início desta semana, Israel revelou o "Iron Sting", uma novo morteiro guiado a laser projetado - de acordo com seus projetistas - para atingir alvos em áreas urbanas com o mínimo de danos colaterais.

Veja Também


publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895