EUA e Alemanha prometem "frente comum" contra "provocações" da Rússia

EUA e Alemanha prometem "frente comum" contra "provocações" da Rússia

Chefe da diplomacia americana reiterou a rejeição de seu país à construção do gasoduto Nord Stream 2

AFP

Secretário de Estado dos EUA, Antony Blinken (E), se encontrou com ministro alemão Heiko Maas

publicidade

Estados Unidos e Alemanha prometeram, nesta quarta-feira (23), formar uma "frente comum" contra qualquer "provocação russa na Ucrânia, seja invadindo o território da Ucrânia", ou com "a detenção de (líder opositor russo) Alexei Navalny, ou com a desinformação". A declaração foi feita nesta quarta-feira em Berlim pelo secretário de Estado dos EUA, Antony Blinken, junto ao seu homólogo alemão, Heiko Maas.

Quanto ao gasoduto Nord Stream 2, um projeto controverso que gerou tensões entre Washington e Berlim, o chefe da diplomacia americana reiterou a rejeição de seu país à construção, mas expressou a esperança de chegar a um acordo com as autoridades alemãs. O gasoduto permitirá dobrar o abastecimento de gás russo para a Alemanha.

"Estamos determinados a ver se podemos tirar algo positivo de uma situação difícil que herdamos", destacou Blinken, afirmando que quer fazer todo o possível para "chegar a um resultado final em que a segurança energética da Europa não seja comprometida".

Veja Também

 



Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895