Homem que escalou a Torre Eiffel é internado em unidade psiquiátrica

Homem que escalou a Torre Eiffel é internado em unidade psiquiátrica

Incidente provocou o fechamento da monumento nessa segunda-feira

AFP

Homem não teve identidade revelada

publicidade

O homem que provocou na segunda-feira o fechamento da Torre Eiffel ao escalar o emblemático monumento, foi internado em uma unidade psiquiátrica, informou nesta terça-feira uma fonte judicial. O homem causou um verdadeiro caos, resultando na evacuação e fechamento do monumento, ao passar seis horas agarrado à estrutura externa da torre metálica. Sua identidade não foi revelada. Mas, após ser interrogado pela polícia, foi levado a uma unidade psiquiátrica sob controle policial, segundo informou à AFP a fonte.

Uma investigação foi aberta para apurar as circunstâncias de sua entrada não autorizada no monumento, de acordo com a mesma fonte. "É um russo com tendências suicidas", declarou outra fonte próxima ao caso, que pediu anonimato. Os bombeiros, que desceram da plataforma de observação no terceiro piso da torre até muito perto do escalador, conseguiram persuadi-lo.

Cerca de 2.500 pessoas que visitavam a torre tiveram que deixar o monumento, que abriu normalmente nesta terça.


publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895