Inundações deixam dois mortos na Austrália

Inundações deixam dois mortos na Austrália

Agência de Meteorologia do país alertou para a possibilidade de tornado nos próximos dias

Por
AFP

Austrália é atingida por uma histórica chuva torrencial


publicidade

Dois corpos foram encontrados nesta terça-feira na região Nordeste da Austrália, atingida por uma histórica chuva torrencial que faz temer novas inundações. O primeiro-ministro Scott Morrison realizou uma visita à região e afirmou que "esse tipo de chuva só acontece uma vez por século". Milhares de casas e veículos foram inundados e escolas e aeroportos tiveram de ficar fechados. "Vai ser duro, muito duro durante muito tempo", afirmou Morrison.

Na localidade de Townsville, a polícia anunciou ter encontrado dois corpos durantes as buscas de dois homens desaparecidos. O Exército australiano foi enviado para áreas do Nordeste do país, enquanto crocodilos foram vistos em ruas submersas.

O Norte tropical do país está acostumado com as monções nesta estação do ano, mas as chuvas dos últimos dias são amplamente superiores à média registrada, em especial na cidade costeira de Townsville. A Austrália teve o mês de janeiro mais quente desde que se tem registro, o que agravou a seca no interior do Leste e Sul do país e favoreceu os incêndios florestais.

A agência australiana de Meteorologia alertou no domingo sobre novas chuvas e o risco de tornados e ventos violentos nos próximos dias. Quase 20 mil casas correm o risco de serem inundadas, se as chuvas continuarem com o mesmo volume.