Outro ciclone ameaça a Índia após a passagem do Tauktae

Outro ciclone ameaça a Índia após a passagem do Tauktae

Mais de 100 pessoas morreram por causa de primeiro ciclone

AFP

Outro ciclone ameaça a Índia após a passagem do Tauktae

publicidade

Um ciclone está se formando no Golfo de Bengala, leste da Índia, advertiram os meteorologistas nesta quinta-feira, após a passagem do Tauktae, a tempestade ciclônica mais violenta das últimas décadas no país, que provocou pelo menos 110 mortes. O departamento meteorológico indiano informou que a zona de depressão deve ser formada até sábado na costa leste do país. 

Veja Também

A meteorologia considera "muito provável" que o sistema se intensifique de maneira progressiva para virar uma tempestade ciclônica que poderia afetar os estados de Bengala Ocidental e Odisha até 26 de maio.

O ciclone Tauktae atingiu os estados da costa oeste da Índia na segunda-feira, no momento em que o país enfrenta uma devastadora segunda onda da epidemia de Covid-19.

Antes que o ciclone tocasse a terra no estado de Gujarat, rajadas de vento de até 185 km/h e chuvas torrenciais provocaram 20 mortes no oeste e sul da Índia. Em Gujarat foram registradas pelo menos 53 vítimas fatais, anunciaram as autoridades locais.

A Marinha indiana recuperou 37 corpos após o naufrágio de uma embarcação de apoio a instalações petroleiras afetadas pela tempestade, Trinta e oito pessoas continuam desaparecidas. Mas o balanço pode aumentar, segundo a imprensa local, que informou que quase 80 pessoas morreram no desabamento de casas e muros.

 


publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895