Palestinos recebem primeira entrega de vacinas anticovid do mecanismo Covax

Palestinos recebem primeira entrega de vacinas anticovid do mecanismo Covax

Aliança internacional fornecerá doses para um milhão de palestinos, o equivalente a 20% de sua população

AFP e Correio do Povo

Palestina já iniciou imunização com a russa Sputnik V

publicidade

Os palestinos receberam sua primeira entrega de vacinas contra a Covid-19 do dispositivo Covax, destinado a regiões desfavorecidas., nesta quarta-feira. Cerca de 37 mil doses do imunizante Pfizer/BioNTech e 23 mil da AstraZeneca/Oxford chegaram hoje ao aeroporto Ben Gurion de Tel Aviv, em Israel, segundo uma fonte de segurança. Ao longo deste ano, a aliança internacional da Organização Mundial de Saúde (OMS), da Gavi Alliance e da Coalition for Epidemic Preparedeness Innovations (CEPI) fornecerá doses para um milhão de palestinos, o equivalente a 20% de sua população.

A Unidade de Coordenação das Atividades Governamentais nos Territórios (COGAT) está facilitando a transferência de 40 mil doses para a Autoridade Palestina por meio da Travessia de Betúnia. Outras 20 mil vacinas serão transferidas ainda hoje para a Faixa de Gaza.

O Coordenador Especial da ONU para o Processo de Paz no Oriente Médio, Tor Wennesland, disse estar "feliz em receber a chegada do primeiro lote. "A ONU está apoiando a campanha de vacinação do governo da Palestina. Essas vacinas enviadas para a Cisjordânia e Gaza serão ferramentas essenciais em nossa luta contra a pandemia e para a recuperação socioeconômica", afirmou em um comunicado.

Veja Também


publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895