Papa Francisco denuncia "escravidão" das mulheres

Papa Francisco denuncia "escravidão" das mulheres

Santo Padre lembrou da falta de oportunidades nos tempos atuais

AFP

As mulheres não têm as mesmas oportunidades que os homens", concluiu Francisco

publicidade

O papa Francisco criticou nesta quarta-feira a condição das mulheres em relação aos homens, ao mencionar durante a audiência geral uma "escravidão" das mulheres, "que não têm as mesma oportunidades que os homens".

Veja Também

"Quantas vezes ouvimos expressões de desprezo às mulheres. Quantas vezes ouvimos 'mas não faça nada, é um assunto de mulher'", declarou o papa em seu discurso.

"Os homens e as mulheres têm, no entanto, a mesma dignidade, mas há na história, e ainda hoje, uma escravidão da mulher. As mulheres não têm as mesmas oportunidades que os homens", concluiu Francisco em seu comentário sobre a igualdade diante de Deus de todos os batizados na Igreja Católica.


publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895