Polícia desmantela acampamentos de migrantes em Paris

Polícia desmantela acampamentos de migrantes em Paris

Cerca de 1,6 mil pessoas foram retiradas das instalações por agentes

AFP

Cerca de 600 policiais participaram da operação de realocação

publicidade

A polícia francesa desmantelou nesta quinta-feira dois grandes acampamentos de migrantes no norte de Paris e retirou 1.600 pessoas das instalações, um dia depois do governo anunciar uma série de medidas para recuperar o controle da imigração. Quase 600 policiais participaram na operação de retirada dos migrantes, que viviam em barracas nas ruas e forma levados de ônibus para abrigos temporários.

Muitos migrantes, incluindo famílias com crianças, afirmaram que eram do Afeganistão ou da África subsaariana. "Não posso permitir uma situação tão perigosa como esta. Isso não pode durar", afirmou o comandante de polícia de Paris, Didier Lallement.

A polícia emitiu a ordem de evacuação por considerar que os acampamentos estavam crescendo muito e registravam atos de delinquência. Dados oficiais apontam 213 agressões nesta área do norte de Paris desde o início do ano. Muitos migrantes fogem da guerra e da miséria na África ou Oriente Médio e buscam refúgio na Europa.

O governo do presidente Emmanuel Macron anunciou na quarta-feira um plano para controlar a imigração, que responde ao desejo do governo de não deixar o monopólio do debate sobre o tema para a extrema-direita, já pensando nas eleições de 2022. "Queremos recuperar o controle de nossa política migratória", disse o primeiro-ministro Edouard Philippe.


publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895