Polícia usa bombas de gás para dispersar protesto na Tunísia

Polícia usa bombas de gás para dispersar protesto na Tunísia

Na sexta-feira, grupos de manifestantes tentaram invadir o ministério do Interior

AFP

Polícia usa bombas de gás para dispersar protesto na Tunísia

publicidade

Forças de segurança da capital tunisiana atiraram bombas de gás lacrimogêneo para dispersar em torno de 300 manifestantes que gritavam slogans antigoverno em um novo protesto, em frente ao Ministério do Interior, em Túnis.

Esse novo protesto ocorre um dia depois de violentos confrontos entre as forças de segurança tunisianas e grupos de manifestantes que tinham tentado entrar no ministério, além de saquear e incendiar três delegacias no Centro.
Um importante dispositivo policial dispersou rapidamente os manifestantes e pedia que as pessoas que estavam nas ruas voltassem a suas casas.

Vários policiais à paisana e com o rosto tampado por toucas, com bastões de madeiras nas mãos, andavam pelas ruas perpendiculares à avenida Habib Burguiba, onde está o ministério do Interior, à procura de manifestantes.
Um número importante de carros de polícia circulava também no Centro, onde a entrada das ruas estava bloqueada por policiais.


Bookmark and Share

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895