Suspeito de atentado na Alemanha foi detido, diz Polícia
capa

Suspeito de atentado na Alemanha foi detido, diz Polícia

Durante ataque, autor postou vídeo ao vivo na plataforma de streaming Twitch

Por
AFP

População voltou ao local para prestar homenagens às vítimas do ataque

publicidade

O suspeito do atentado na cidade de Halle, na Alemanha, foi detido, anunciou a Polícia nesta quarta-feira. "O suspeito foi detido", explicou à AFP um porta-voz da Polícia, segundo quem o homem estava ferido. O ataque contra uma sinagoga nesta cidade alemã deixou até o momento dois mortos e dois feridos graves.

Ao vivo

O autor publicou um vídeo do ataque na plataforma de streaming ao vivo Twitch, informou uma porta-voz do site especializado em e-sports e videogames. "Retiramos esse conteúdo o mais rápido possível e suspendemos todas as contas que publicaram ou republicaram as imagens deste ato abominável", disse a porta-voz à AFP, sem especificar quanto tempo este material esteve disponível on-line. "O Twitch tem uma política de tolerância zero contra condutas de ódio e qualquer ato de violência é levado a sério", disse a porta-voz. 

Em março, um supremacista branco transmitiu ao vivo pelo Facebook o ataque lançado contra uma mesquita em Christchurch, na Nova Zelândia, na qual matou 51 muçulmanos. O ato motivou vários governos a exercer pressão nas redes sociais para que impeçam a transmissão de atos violentos em suas plataformas. Plataforma usada sobretudo por jogadores de videogame para demonstrar suas habilidades, o Twitch foi comprado em 2014 pela Amazon, que pagou 970 milhões de dólares pela companhia.