Bebê de 1 ano que sobreviveu a atentado em SC recebe alta

Bebê de 1 ano que sobreviveu a atentado em SC recebe alta

Criança foi uma das atingidas durante ataque com espada realizado por jovem de 18 anos

R7

Equipes de saúde fizeram saudação durante a alta

publicidade

O menino de 1 anos e 8 meses que sobreviveu ao ataque com espada na escola infantil Aquarela, no munícipio de Saudades, em Santa Catarina, na última terça-feira , recebeu alta neste domingo do Hospital da Criança Augusta Muller Bohner, em Chapecó. Equipes médicas da unidade de saúde prestaram homenagem ao bebê na saída da internação, e ouviram som do Coral Mensageiros da Alegria.

O crime foi cometido por um jovem de 18 anos, que invadiu a creche e feriu funcionários e alunos. A professora Keli Adriane Anieceviski, de 30 anos, a agente educativa Mirla Renner, de 20, e os alunos Sarah Luiza Mahle Sehn, de 1 ano e 7 meses, Murilo Massing, de 1 ano e 9 meses, e Anna Bela Fernandes de Barros, de 1 ano e 8 meses, morreram na ação criminosa.

Depois do ataque, o agressor tentou cometer suicídio e esfaqueou o próprio pescoço e abdômen. Ele foi socorrido e, depois dos primeiros atendimentos, transferido para o HRO (Hospital Regional do Oeste) da cidade de Chapecó. Neste sábado, a unidade de saúde informou que o quadro de saúde do autor do ataque é estável. Ele está acordado e recebe cuidados na enfermaria cirúrgica. O agressor está sob escolta policial.


publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895