Com 420 vagas, Penitenciária de Bento Gonçalves será entregue nesta quinta-feira
capa

Com 420 vagas, Penitenciária de Bento Gonçalves será entregue nesta quinta-feira

Casa prisional conta com sistema que permite que os agentes penitenciários possam monitorar a rotina das galerias sem contato com os apenados

Por
Correio do Povo

Nova penitenciária foi construída com investimento total de R$ 31 milhões

publicidade

Com 420 vagas, a nova Penitenciária Estadual de Bento Gonçalves será entregue nesta quinta-feira. A maioria das celas serão preenchiadas pelos atuais ocupantes do presídio de Bento, localizado no Centro da cidade e que será desativado de maneira gradativa. O governador do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite, irá participar da solenidade.  

Construída em uma área de 5,6 mil metros quadrados, no bairro Barracão, a nova casa prisional contará com ambulatório, cozinha, área de isolamento, módulo para revista, refeitório, casa de bombas, oficina de trabalho, sala psicossocial, lavanderia e área administrativa, além de espaços reservados à Educação e ao trabalho prisional. 

A estrutura foi erguida em monoblocos de concreto de alta resistência, adotando a mesma técnica utilizada na construção do complexo prisional de Canoas (Pecan), na Penitenciária Estadual de Porto Alegre (PPOA) e na nova penitenciária de Sapucaia do Sul, que deverá ser entregue até o final deste ano. A Penitenciária de Bento Gonçalves conta também com um sistema que permite que os agentes penitenciários possam monitorar, de um pavimento superior, a rotina das galerias, evitando o contato direto com os apenados.

O investimento total foi de quase R$ 31 milhões, através de permuta com a construtora pelo prédio que abriga a Superintendência do Departamento Autônomo de Estradas de Rodagem (DAER) de Bento Gonçalves.