Descoberto imóvel usado como depósito por facção no Campo da Tuca, em Porto Alegre

Descoberto imóvel usado como depósito por facção no Campo da Tuca, em Porto Alegre

Os policiais civis apreenderam arma, munição, ecstasy, MDMA e maconha no local

Correio do Povo

Inquérito foi aberto para identificar os criminosos responsáveis

publicidade

O Departamento Estadual de Investigações do Narcotráfico (Denarc) da Polícia Civil descobriu um imóvel usado como depósito por uma facção criminosa no Campo da Tuca, no bairro São José, em Porto Alegre. A ação foi conduzida pelo delegado Alencar Carraro e começou ainda na véspera do feriado.

Na residência, os agentes realizaram uma minuciosa revista e localizaram um revólver calibre 32 com seis cartuchos, 48 comprimidos de ecstasy, 14 gramas de MDMA e mais de um quilo de maconha já embalada.

Houve também o recolhimento de anotações do tráfico e material para embalar as drogas no local. Os policiais civis fizeram diligências visando à captura de suspeitos, mas ninguém foi encontrado na área.

O delegado Alencar Carraro afirmou que já foi instaurado um inquérito policial para a devida apuração dos fatos, sendo encaminhadas amostras das drogas, arma e munições ao Instituto-Geral de Perícias (IGP) para exame pericial.

“O objetivo final é a responsabilização dos responsáveis pelo material ilícito”, frisou o delegado Alencar Carraro, lembrando que a ação integra a estratégia da Polícia Civil de intensificar a presença em áreas conflagradas pelo tráfico, objetivando o combate às facções criminosas.


Mais Lidas


Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895