Dez lideranças de facções envolvidas em mortes em Porto Alegre são transferidas

Dez lideranças de facções envolvidas em mortes em Porto Alegre são transferidas

Detentos foram enviados da Cadeia Pública, Penitenciária Estadual de Porto Alegre e Penitenciária Modulada Estadual de Charqueadas para a Penitenciária de Alta Segurança de Charqueadas

Correio do Povo

Tropa do 1º BPChq ocupou cedo estabelecimento prisional na Capital

publicidade

Uma operação de transferência de dez lideranças de facções criminosas, envolvidas no conflito em Porto Alegre, foi desencadeada no começo desta manhã de quarta-feira na Cadeia Pública (antigo Presídio Central), Penitenciária Estadual de Porto Alegre e Penitenciária Modulada Estadual de Charqueadas. Já uma revista está sendo realizada também nas celas dos apenados em duas galerias ligadas às facções na Cadeia Pública, visando o recolhimento de ilícitos, como telefones celulares e drogas. O pente-fino tem amparo judicial, com o cumprimento de mandados de busca e apreensão.

Um forte aparato de segurança foi montado para a remoção dos apenados até a Penitenciária de Alta Segurança de Charqueadas (Pasc). A mobilização na operação Fatura envolveu a Secretaria da Segurança Pública do Estado, Secretaria de Justiça e Sistemas Penal e Socioeducativo, Polícia Civil, Brigada Militar e Superintendência dos Serviços Penitenciários.

Ao longo da BR 290, a Polícia Rodoviária Federal reforçou o policiamento em apoio à passagem do comboio de viaturas em direção à Charqueadas. No dia 25 de março deste ano, dois líderes já tinham sido removidos.

Foto: BM / Especial / CP

 


Mais Lidas


Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895