Gravataí registra três assassinatos em sábado violento no município
capa

Gravataí registra três assassinatos em sábado violento no município

Outras duas pessoas foram baleadas em um dos ataques, nas imediações de um supermercado, mas estão fora de perigo

Por
Franceli Stefani

publicidade

Pelo menos três pessoas foram mortas a tiros em Gravataí, na Região Metropolitana, entre a madrugada e a noite deste sábado. O caso mais recente ocorreu na rua Belém, no bairro Castelo Branco, por volta das 23h30min, quando um motociclista foi executado. De acordo com a Brigada Militar (BM), populares relataram que foram desferidos cerca de 10 disparos contra o homem de 24 anos.

Sem antecedentes criminais, ele foi alvejado diversas vezes, principalmente na região das costas e cabeça. No local onde ocorreu o fato, os policiais encontraram sete cartuchos deflagrados de pistola calibre 9 milímetros. Alguns metros de onde estava o corpo caído havia ainda um carregador de pistola com 12 munições intactas. Testemunhas informaram que um veículo se aproximou do motociclista e iniciou a série de disparos. Ele morreu no local.

Mais cedo, por volta das 21 horas, um jovem foi assassinado com, pelo menos, quatro tiros na rua Benjamin Constant do Sul, no bairro Padre Réus. No momento do ataque, conforme a Brigada Militar, ele estava em frente a um mercado, na altura da parada 103. Dois criminosos chegaram ao endereço a pé e atiraram. Outras duas pessoas que saíam do comércio foram atingidas pelos disparos, foram socorridas e não correm risco de morte. De acordo com a BM não há relação entre os fatos. A investigação fica a cargo da Polícia Civil.

Crime na madrugada

Na madrugada do sábado, por volta da 1h30min, um homem de 44 anos, foi morto a tiros no Loteamento Princesa Isabel, na Vila Cledi, as margens da ERS 030, também em Gravataí. De acordo com informações de populares, dois criminosos entraram na residência após arrombarem a porta, foram até o quarto onde o alvo dormia e o executaram.

Quando os policiais chegaram no endereço, encontraram o homem já em óbito, deitado na cama, com um cachorro de estimação deitado ao lado, no travesseiro. Não há informações de veículo ou características dos autores do crime até o momento. Ele tinha diversas ocorrências policiais, entre as passagens estão abandono de incapaz, roubo a residência, lesão corporal, estelionato, violação de domicílio e posse de entorpecente.