Guarda Municipal dispersa três aglomerações e interdita boate com 400 pessoas em Porto Alegre

Guarda Municipal dispersa três aglomerações e interdita boate com 400 pessoas em Porto Alegre

Houve ainda duas prisões por invasão do Museu Joaquim Felizardo

Correio do Povo

Câmera de monitoramento registrou invasão da instituição cultural no bairro Cidade Baixa

publicidade

A Guarda Municipal de Porto Alegre dispersou na madrugada de sábado duas aglomerações na rua Fernando Machado, no bairro Centro, e uma na rua Padre Chagas, no bairro Moinhos de Vento, durante operação de fiscalização do cumprimento do decreto relativo à Covid-19. Houve ainda o flagrante de funcionamento clandestino de uma boate na rua Castro Alves, no bairro Rio Branco No local estavam em torno de 400 pessoas. A casa noturna foi interditada e o dono autuado.

“Continuamos com nosso trabalho visando orientar e conduzir a população ao cumprimento da lei e da ordem com consequente manutenção da segurança sanitária. É muito importante a participação da população denunciando e acompanhando as ações das forças de segurança”, destacou o comandante da Guarda Municipal, Marcelo Nascimento.

A mobilização ocorreu entre a noite de sexta-feira e madrugada deste sábado em vários pontos da cidade. Ações ocorreram também nas ruas Lima e Silva e República, na Cidade Baixa.

A Brigada Militar e Empresa Pública de Transporte e Circulação (EPTC) prestaram apoio.

Flagrante 

Nas ações, a Guarda Municipal prendeu ainda dois indivíduos que invadiram o Museu de Porto Alegre Joaquim Felizardo, situado na rua João Alfredo, no bairro Cidade Baixa. Uma câmera de monitoramento flagrou a dupla pulando o muro da instituição cultural, o que desencadeou uma imediata resposta do órgão de segurança pública municipal. Os homens estavam com um carrinho de recolhimento de material para reciclagem.

O efetivo da Guarda Municipal deteve também um homem que agrediu um servidor no Pronto Atendimento Cruzeiro do Sul, na vila Cruzeiro do Sul.


publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895