Intensificadas as buscas por Daniele dos Santos Camargo, desaparecida no dia 4 em Serafina Corrêa

Intensificadas as buscas por Daniele dos Santos Camargo, desaparecida no dia 4 em Serafina Corrêa

Jovem, de 23 anos, foi vista pela última vez entrando no veículo do ex-namorado, de 40 anos, que está preso temporariamente

Correio do Povo

Investigação é realizada pelo delegado Tiago Lopes de Albuquerque e equipe

publicidade

As buscas pela jovem Daniele dos Santos Camargo, 23 anos, moradora de Serafina Correa, foram intensificadas e ampliadas na região da Serra. Ela está desaparecida desde o dia 4 deste mês, quando foi vista entrando em um Ford Fiesta, de cor prata, do ex-namorado, de 40 anos. 

Encarregado do caso, o delegado Tiago Lopes de Albuquerque assegurou nesta quinta-feira à reportagem do Correio do Povo que “as buscas prosseguem” e estão sendo intensificadas. “Estamos ampliando a área das buscas, mas sem sucesso até o momento”, observou.

Matagais estão sendo vasculhados pelo Corpo de Bombeiros Militar do Rio Grande do Sul, na área entre Serafina Corrêa e Guaporé. O efetivo do 7º Batalhão de Bombeiros Militar atua com a Polícia Civil sobretudo em Linha Nona e do Morro do Cristo, na zona rural de Serafina Corrêa.

Preso temporariamente no último dia 06 pela Polícia Civil, o ex-namorado dela teve de admitir o encontro dos dois após a divulgação de imagens de câmeras de monitoramento que registraram o embarque da jovem no veículo dele. No entanto, ele alegou que depois a deixou na residência dela.

Com um moletom claro e carregando uma mochila, a jovem havia saído de uma padaria na rua José Veríssimo, na área central de Serafina Correa, onde tomou café com uma amiga cedo da manhã no dia 4. Pelas imagens das câmeras, o ex-namorado aguardou-a por cerca de 45 minutos nas imediações do estabelecimento comercial. A vítima entrou então no carro dele e nunca mais foi vista. O veículo foi visto seguindo pela ERS 129.

Qualquer informação sobre o paradeiro de Daniele dos Santos Camargo, mesmo sob anonimato, pode ser repassada aos telefones (54) 3444-1214 e (54) 3443-1592.

Veja Também


Mais Lidas


Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895