Liderança de facção gaúcha é capturada em Balneário Gaivota, em Santa Catarina

Liderança de facção gaúcha é capturada em Balneário Gaivota, em Santa Catarina

Foragido por homicídio, o criminoso tinha mandado judicial de prisão pela Comarca de Lajeado

Correio do Povo

Em outubro de 2020, ele foi um dos alvos da operação Godfather, deflagrada pela Draco

publicidade

A Polícia Civil de Santa Catarina confirmou a captura de um integrante de uma facção criminosa gaúcha em Balneário Gaivota, no Litoral Sul de SC. O foragido, de 29 anos, tinha um mandado de prisão por homicídio pela Comarca de Lajeado, no Rio Grande do Sul. A ação, sob comando do delegado Luís Otávio Pohlmann, foi realizada na última terça-feira, sendo mobilizados os agentes da DP de Sombrio e com apoio do efetivo da Polícia Militar.

O foragido é uma das lideranças da célula da facção gaúcha em Lajeado, sendo considerado de alta periculosidade e com histórico de confronto armado com policiais. A organização criminosa é sediada na região do Vale do Rio dos Sinos.

Em outubro de 2020, ele foi um dos alvos da operação Godfather, deflagrada pela Delegacia de Repressão às Ações Criminosas Organizadas (Draco) de Lajeado, coordenada pelo delegado Dinarte Marshall Júnior. Na época, a ação teve o cumprimento de 18 mandados de busca e apreensão e de outros dez mandados de prisão preventiva em residências particulares e estabelecimentos comerciais dos investigados.

Houve o recolhimento de cerca de R$ 8 mil em dinheiro, um fuzil calibre 5,56 e duas espingardas calibre 12 e 24, bem como telefones celulares e um veículo. Um total de 15 suspeitos foram detidos. As investigações começaram em março de 2020.


Mais Lidas

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895