MP recorre para manter cinco presos fora do Estado
capa

MP recorre para manter cinco presos fora do Estado

Quatro pedidos foram protocolados em Novo Hamburgo e um em Canoas

Por
Correio do Povo

publicidade

O Ministério Público recorreu de cinco decisões judiciais que determinam o retorno de presos ao sistema penitenciário gaúcho. Quatro pedidos foram protocolados na Vara de Execuções Criminais (VEC) de Novo Hamburgo, nesta quarta-feira, e um será encaminhado à VEC de Canoas até o final desta quinta-feira. 

Os titulares dessas varas autorizaram, na terça-feira, o retorno de três criminosos que estão em presídios federais. Os bandidos acumulam condenações por homicídios, latrocínios, tráfico de entorpecentes e roubo. Concomitantemente, o MP ingressou com pedido de medida cautelar para que os 17 detentos transferidos em 2017 para penitenciárias federais de alta segurança enquanto os recursos estiverem ainda sem análise.

A Justiça já tinha determinado, na semana passada, a volta de dois presidiários ao Estado. O argumento é que eles estão há muito tempo longe do convívio familiar. 

Ao todo, 27 criminosos foram levados a presídios federais em operação deflagrada há dois anos. Desses, 10 já retornaram ao Rio Grande do Sul e 17 seguem no sistema prisional de outros estados. Todos são condenados por diversos crimes, são considerados detentos de alta periculosidade e fazem parte de facções.