Polícia Civil indicia três homens pela morte de morador de Vicente Dutra

Polícia Civil indicia três homens pela morte de morador de Vicente Dutra

Inquérito concluiu por latrocínio e ocultação de corpo da vítima, cujo corpo foi encontrado no rio Uruguai

Correio do Povo

Pedido de prisão preventiva do trio foi encaminhado

publicidade

A Polícia Civil anunciou o indiciamento de três homens pela morte de Cleder Jair da Silva, 38 anos, morador da cidade de Vicente Dutra, que desapareceu no dia 8 de outubro passado e cujo corpo foi encontrado no dia 16 do mesmo mês no rio Uruguai. A vítima trabalhava na produção e venda de cuias de chimarrão.

As investigações, conduzidas pelo delegado Jacson Oiliam Boni, foram concluídas. “O inquérito policial foi então encerrado com o indiciamento dos três homens pelos crimes crime de latrocínio (roubo seguido de morte) e ocultação de cadáver, os quais poderão ser condenados a penas que variam de 21 a 33 anos de prisão”, revelou. “A Polícia Civil ainda representou pela prisão preventiva dos indiciados. O caso agora será analisado pelo Ministério Público e pelo Poder Judiciário”, acrescentou.

Segundo o delegado Jacson Oiliam Boni, os três indiciados possuíam “negócios com a vítima e a atraíram até um local pré-determinado por eles, subtraíram valores e pertences dela e, após, levaram-na até a beira do rio Uruguai”. De acordo com ele, a vítima foi executada “com um disparo de arma de fogo na cabeça”, sendo jogada dentro do rio, “amarrada a cordas e a um saco de pedras”.

“Após o crime, a delegacia de polícia do município recebeu um reforço policial e por mais de 30 dias dedicou-se de forma ininterrupta ao esclarecimento da morte de Cleder”, lembrou.

Ao longo do trabalho investigativo foram ouvidas “diversas testemunhas, analisadas horas de imagens de videomonitoramento, realizadas perícias, buscas, apreensão e análise de telefones celulares, entre diversas outras diligências”, recordou.

Com o desaparecimento de Cleder, a Polícia Civil, Brigada Militar e Corpo de Bombeiros Militar do Rio Grande do Sul realizaram buscas por vários dias. A caminhonete Fiat Strada, da vítima, havia sido encontrada no mesmo dia do sumiço. O veículo encontrava-se abandonado na localidade de Boa Esperança, no interior de Vicente Dutra. Já o corpo foi localizado em Balneário Três Ilhas.


publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895