Polícia Civil prende suspeito de assassinar candidato a vereador em Flores da Cunha

Polícia Civil prende suspeito de assassinar candidato a vereador em Flores da Cunha

João Carraro, 63 anos, foi morto a tiros, mas motivação eleitoral para o crime foi descartada

Celso Sgorla

Agentes apreenderam Volkswagen Gol, de cor branca, usado no crime

publicidade

A Polícia Civil de Flores da Cunha prendeu temporariamente na manhã desta quarta-feira o suspeito de assassinar a tiros o candidato a vereador pelo PSB, João Carraro, 63 anos, na localidade de Lagoa Bella, na zona rural do município. O crime ocorreu na tarde de terça-feira quando a vítima entregava material de campanha. O indivíduo foi localizado e detido pelos agentes no bairro Vindima. As investigações prosseguem para elucidar totalmente o caso. 

Houve a apreensão no local também do Volkswagen Gol, de cor branca, com placas de Flores da Cunha, que teria sido utilizado na prática do crime. “Segundo as apurações preliminares, a motivação do fato foi pessoal e não possui ligações com o pleito eleitoral”, assegurou o delegado Rodrigo Duarte.

Durante a manhã, o prefeito Lídio Scortegagna decretou luto oficial de três dias. João Carraro era servidor público aposentado e foi vereador no mandato no período entre 2005 e 2008, sendo o segundo mais votado. O corpo está sendo velado na capela funerária São Luiz, com sepultamento previsto às 15h desta quarta-feira, no cemitério público municipal. 
  


publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895