Polícia Rodoviária Federal apreende R$ 70 mil em dinheiro, sem origem comprovada, em Guaíba

Polícia Rodoviária Federal apreende R$ 70 mil em dinheiro, sem origem comprovada, em Guaíba

Motorista de aplicativo alegou que não andava com os valores pois não queria depositá-lo em banco

Correio do Povo

Quantia estava dividida em dois pacotes

publicidade

A Polícia Rodoviária Federal apreendeu R$ 70 mil em dinheiro, sem origem comprovada, na tarde desta terça-feira, em Guaíba. Os valores estavam sendo transportados em um Ford Ka, com placas de Santa Catarina, conduzido por uma motorista de aplicativo, de 32 anos, natural de Porto Alegre.

O efetivo da PRF realizava uma operação de combate ao crime na BR 116 e visualizou o momento em que o veículo saiu rapidamente da estrada. Os policiais rodoviários federais começaram a perseguição que terminou na área urbana da cidade.

A condutora estava sozinha no veículo. Atrás do banco dianteiro foi então localizado os R$ 70 mil dentro de um saco. A quantia estava dividida em dois pacotes, sendo um com R$ 50 mil e outro com R$ 20 mil.

A mulher deu a versão de que o dinheiro era dela e andava com o mesmo para não depositar no banco e pagar imposto. No entanto, ela não conseguiu comprovar e nem mesmo explicar a origem lícita da quantia, mas admitiu que estava voltando de Pelotas. A mulher será investigada por crime financeiro. A quantia foi apreendida e colocada à disposição da Justiça.


publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895