Preso suspeito de participação no assassinato do secretário municipal de Itaqui
capa

Preso suspeito de participação no assassinato do secretário municipal de Itaqui

Delegacia de Polícia de Homicídios e Proteção à Pessoa de Viamão já tem uma linha de investigação sobre a motivação do crime

Por
Correio do Povo

Delegado Rodrigo Bozzetto está otimista com a elucidação do caso ocorrido em agosto deste ano

publicidade

O diretor da 1º Delegacia Regional de Polícia Metropolitana, delegado Rodrigo Bozzetto, anunciou na manhã desta quarta-feira que “está bem encaminhada” a investigação do assassinato do secretário municipal de Relações Institucionais e Captação de Recursos de Itaqui, Germano Aires Garcia Ferner, 58 anos, ocorrida em Viamão. No entanto, ele preferiu não revelar qual a motivação do crime.

Na última terça-feira, um suspeito de 26 anos foi detido no bairro Passo das Pedras, em Porto Alegre, pelos agentes da Delegacia de Polícia de Homicídios e Proteção à Pessoa de Viamão, chefiada pelo delegado Guilherme Calderipe. O indivíduo, identificado como motorista de aplicativo, foi quem levou a vítima de Porto Alegre até a cidade.  “Tem uma mulher envolvida que já está presa. As investigações continuam pois faltam três a serem presos”, adiantou. “Novas diligências estão sendo realizadas para a completa elucidação do crime”, enfatizou.

O corpo do secretário municipal de Itaqui havia sido encontrado na madrugada do dia 21 de agosto deste ano na Estrada Caminho do Meio, em Viamão. A vítima foi executada a tiros. Germano Aires Garcia Ferner havia chegado na noite de terça-feira para participar do Seminário de Fortalecimento da Atenção Primária em Saúde, em Porto Alegre. Ele havia se hospedado em um hotel no Centro da Capital, sendo visto entrando no veículo dirigido pelo motorista de aplicativo.