Preso terceiro envolvido em morte de empresários em Estância Velha
capa

Preso terceiro envolvido em morte de empresários em Estância Velha

Brigada Militar prendeu homem, de 29 anos, em Sapucaia do Sul

Por
Correio do Povo

Suspeito foi preso na madrugada deste domingo em Sapucaia do Sul

publicidade

O terceiro envolvido na morte de pai e filho dentro de uma ótica e joalheira em abril deste ano, em Estância Velha, foi preso pela Brigada Militar no início da madrugada deste domingo em Sapucaia do Sul. O criminoso, de 29 anos, foi localizado escondido na casa da avó pelo efetivo do 33º BPM na rua Canto do Rio, no bairro Carioca. A captura foi possível após os policiais militares terem recebido uma denúncia sobre a presença do indivíduo no endereço. 

O suspeito ainda tentou fugir e escondeu-se embaixo de uma cama dentro da casa. Ele tinha contra si um mandado de prisão em aberto por participação no latrocínio. O indivíduo prestou apoio logístico no roubo com um Honda City e um Ford Focus utilizados na fuga da dupla de assaltantes que atacou o estabelecimento comercial e atirou nas vítimas.

Já na sexta-feira passada, o Ministério Público havia apresentado uma denúncia contra cinco pessoas por envolvimento no assassinato de Leomar Jacó Canova, 59 anos, e Luis Fernando Canova, 35 anos, pai e filho, durante assalto na manhã do dia 10 de abril na Elaine Óptica e Joalheria, em Estância Velha. Os autores dos tiros que mataram as vítimas são dois jovens de 19 e 20 anos que estão atualmente presos, foram denunciados pelo promotor de Justiça Bruno Carpes. 

O criminoso foi acusado de receptação e adulteração de sinal identificador dos dois veículos roubados, usados na fuga do local do roubo. Já duas mulheres entraram no inquérito por receptação de objeto roubado: um pingente levado do estabelecimento comercial. O assalto, que ficou registrado nas imagens de uma câmera de monitoramento da loja, rendeu cerca de R$ 350 mil em joias.