PRF apreende carga de cigarros paraguaios avaliada em R$ 1,6 milhão na BR 101, em Santa Catarina
capa

PRF apreende carga de cigarros paraguaios avaliada em R$ 1,6 milhão na BR 101, em Santa Catarina

Contrabando viria para Porto Alegre e o motorista receberia R$ 8 mil pelo transporte

Por
Correio do Povo

Mercadoria ilícita estava sob uma camada de grãos de soja em um caminhão com placas da cidade gaúcha de Pinheirinho do Vale


publicidade

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) de Santa Catarina confirmou na manhã desta segunda-feira que a carreta com semirreboque, carregada com 325 mil maços de cigarros paraguaios contrabandeados, seria levada até Porto Alegre, no Rio Grande do Sul. A mercadoria ilícita, escondida sob uma camada de grãos de soja como disfarce, foi avaliada em mais de R$ 1,6 milhão.

O veículo, com placas da cidade gaúcha de Pinheirinho do Vale, foi abordado pelo efetivo da PRF na noite desse domingo na BR 101, em Itajaí, no Litoral Norte de SC. Preso em flagrante, o motorista confessou que receberia em torno de R$ 8 mil pelo transporte do contrabando desde o Mato Grosso do Sul até Porto Alegre. A ocorrência foi encaminhada para a Receita Federal e à Polícia Federal de Itajaí.

Apreensão em Osório

Em ação de repressão ao contrabando e descaminho, a equipe da Receita Federal apreendeu mais de R$ 1,2 milhão em cigarros paraguaios contrabandeados na BR 101, em Osório, no Litoral Norte do RS. O destino final do produto seria Novo Hamburgo, no Vale do Rio dos Sinos.


A ação ocorreu nesse domingo em um posto de combustíveis na rodovia. No local, um caminhão foi abordado. O motorista do veículo apresentou uma nota fiscal de embalagens plásticos, sendo verificada que a mesma era forjada e na verdade a carga era composta por cigarros de marcas paraguaias. A Polícia Federal foi acionada para a lavratura da prisão em flagrante pelo crime de contrabando.