PRF flagra transporte de mais de 20 aves nativas na BR 290, em Porto Alegre

PRF flagra transporte de mais de 20 aves nativas na BR 290, em Porto Alegre

Pássaros estavam dentro de caixinhas de leite e de caixas de madeira no porta-malas de um veículo

Por
Correio do Povo

Trinca-ferro, azulão, cravina, coleirinho e sanhaço-frade foram resgatados e entregues ao Ibama


publicidade

Mais de 20 aves da fauna silvestre foram resgatadas quando estavam sendo transportados em um veículo na Br 290, em Porto Alegre. O flagrante da Polícia Rodoviária Federal ocorreu na noite dessa segunda-feira. O efetivo da PRF abordou um Fiat Uno, com placas de Estância Velha, na rodovia. No porta-malas do carro, escondidas sob uma caixa de ferramentas, foram encontradas diversas caixas de madeira e caixinhas de leite, com pequenos furos para entrada de ar, contendo pássaros da fauna nativa, como trinca-ferro, azulão, cravina, coleirinho e sanhaço-frade.

As aves, que teriam sido trazidos da região da fronteira Sul, foram encaminhadas ao Ibama para posteriormente serem devolvidas à natureza. O motorista, de 29 anos, de Capela de Santana, foi preso por crime ambiental, captura e maus tratos a animais. Ele já tinha antecedentes criminais por receptação e roubo a pedestre.

Bebidas e celulares

Em outra ação na noite de segunda-feira, a Polícia Rodoviária Federal apreendeu 384 garrafas de vinho estrangeiro que entraram ilegalmente no país. A mercadoria ilegal estava em uma caminhonete Chevrolet S10, com placas de Pelotas, que foi abordada na BR 290, em Alegrete. Ao vistoriar o interior e o bagageiro do veículo, o efetivo da PRF deparou-se com 384 garrafas de vinhos argentinos que entraram ilegalmente no Brasil, no valor aproximado de R$ 50 mil.


Mais cedo, a PRF havia recolhido 97 celulares novos em um Chevrolet Onix que foi abordado junto com um Volkswagen Voyage na BR 290, em Rosário do Sul. A mercadoria, avaliada em torno de R$ 200 mil e introduzida ilegalmente no país, seria levada até Novo Hamburgo. Nos veículos estavam quatro indivíduos.