Revista geral em galerias de facções apreende celulares e drogas na Cadeia Pública de Porto Alegre

Revista geral em galerias de facções apreende celulares e drogas na Cadeia Pública de Porto Alegre

Houve recolhimento de 68 telefones, 953 gramas de maconha,334 gramas de cocaína, 62 gramas de comprimidos e oito facas

Correio do Povo

Efetivo do 1º Batalhão de Polícia de Choque (1ºBPChq) atuou na casa prisional

publicidade

Farta quantidade de telefones celulares foi apreendida na revista geral em galerias do pavilhão H e B da Cadeia Pública de Porto Alegre (antigo Presídio Central), realizada ao longo de quarta-feira, após a transferência de lideranças de três facções criminosas para a Penitenciária de Alta Segurança de Charqueadas (Pasc). Houve o recolhimento de 68 aparelhos telefônicos, 953 gramas de maconha,334 gramas de cocaína, 62 gramas de comprimidos diversos e oito facas.

O pente-fino ocorreu nas galerias ligadas às facções dos detentos removidos. A tropa do 1º Batalhão de Polícia de Choque (1º BPChq) da Brigada Militar atuou inicialmente. Depois, os agentes do Departamento Estadual de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) da Polícia Civil cumpriram os mandados judiciais de busca e apreensão nas celas. Não houve incidentes.

O comboio de viaturas com os apenados saiu por volta das 8h da Cadeia Pública, sendo montado um forte aparato de segurança. O Grupo de Ações Especiais da Susepe (GAES) da Superintendência dos Serviços Penitenciários (Susepe) fez a escolta.

No total, cinco líderes de três facções que estavam na casa prisional foram levados para a Pasc. Houve remoção também de outras cinco lideranças da Penitenciária Estadual de Porto Alegre (Pepoa) e da Penitenciária Modulada Estadual de Charqueadas (PMEC). 

A mobilização de transferência dos dez detentos envolveu a Secretaria da Segurança Pública do Estado, Secretaria de Justiça e Sistemas Penal e Socioeducativo, Polícia Civil, Brigada Militar e Superintendência dos Serviços Penitenciários. As autoridades acreditam que a medida arrefecerá ainda mais o recente conflito envolvendo as facções na Capital.


Foto: BM / Especial / CP


Mais Lidas


Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895