Bolsonaro é questionado sobre deixar o PSL e diz que "seu partido é o Brasil"

Bolsonaro é questionado sobre deixar o PSL e diz que "seu partido é o Brasil"

Presidente disse que não pretender trocar de sigla

AE

Presidente participou de evento em São Paulo nesta manhã

publicidade

O presidente Jair Bolsonaro sugeriu nesta quinta-feira que não pretende deixar o PSL. "Eu já sou casado e você quer arrumar outra mulher para mim?", brincou, após ter sido questionado sobre para qual partido ele iria se saísse do atual. Antes disso, depois de ter sido perguntado por repórteres sobre se iria mesmo deixar a sigla, afirmou que o seu partido é o Brasil. Depois, brincou novamente dizendo que o seu partido é a Apex, uma das entidades que promove evento do qual o presidente participou. 

Acompanhado de ministros, Bolsonaro participou do Fórum de Investimentos Brasil 2019, evento realizado em São Paulo e organizado pelo Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) e pela Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex). Na oportunidade, ele também disse que não quer deixar que o Brasil fique na mesma situação em que está a Argentina quando chegar o momento da escolha de seu sucessor, com a possibilidade de retorno da esquerda ao poder. Depois do fracasso do governo de centro-direita de Maurício Macri na área econômica, o candidato de esquerda, Alberto Fernández, cuja vice é a ex-presidente Cristina Kirchner, lidera as pesquisas para as eleições do dia 27 e pode ganhar no primeiro turno. 


publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895